Liliane Roriz aguarda projeto para prorrogação do Simples Candango

A vice-presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital Liliane Roriz, em visitas constantes que faz às feiras do Distrito Federal, ouviu o apelo dos feirantes que estavam preocupados com o fim do Simples Candango. Entendendo a angústia dos feirantes, a parlamentar pediu à Secretaria de Fazenda do DF, a prorrogação do regime tributário que beneficia milhares de feirantes em todo o DF.

 

Em reunião com o secretário João Antônio Fleury Teixeira, Liliane Roriz – que levou ainda um grupo de feirantes para o encontro -, conseguiu a garantia do governo de que o Simples Candango continuará a valer.

 

“A promessa do governo é que a prorrogação do Simples Candango seja enviado à Câmara Legislativa neste mês. Assim, vou conversar com todos os deputados para que possamos aprovar o projeto o mais rapidamente possível para não prejudicar feirantes, micro e pequenos empresários, atendidos pelo programa”, explica a deputada.

 

O que iria acontecer?

 

O Simples Candango – regime tributário do Distrito Federal – seria extinto em 1º de maio de 2016. Quem não se cadastrasse como microempresário individual (MEI) ou como empresa, não poderia mais exercer suas atividades. Após a data limite para extinção do programa, todas as inscrições antigas deixariam de valer automaticamente. Isso prejudicaria feirantes e vendedores ambulantes de todo o Distrito Federal.

_facebook


_youtube


_twitter